O Coletivo de Vídeo Popular de São Paulo em parceria com a TVT inicia em maio o programa Circuito de Exibição, que vai colocar em cartaz na TV vídeos realizados pelos grupos que integram esse Coletivo.
ESTRÉIA
28/05 – ÀS 16H
NA TVT

Qual Centro? (doc. 15Min. 2010)
Sinopse: O filme debate o projeto de revitalização da região central da cidade de São Paulo tendo como personagem os moradores de uma ocupação num posto de gasolina e toda sua luta pelo direito a moradia.

Realização: Coletivo Nossa Tela

FULERO CIRCO (fic. 50min. 2010)
Sinopse: Depois de tantos maus tratos, de viver entre os ratos, de ter que achar o absurdo legal, a Trupe Fulero Circo formada por desempregados e trabalhadores ocasionais viajou pelo Brasil para apresentar sua peça de rua “O mistério do novo”, uma investigação sobre os dias de hoje.

Realização: Companhia Estudo de Cena.

Onde assistir
Site da TVT: www.tvt.org.br
No canal 46 UHF em Mogi das Cruzes


Links para esta postagem

ler e escrever' Comentários ( 0 )

O Cineclube Lunetim Mágico realiza, com o apoio do Centro Cineclubista de São Paulo, todo o último sábado de cada mês, exibições de vídeos independentes.

Nesse mês a abordagem dos vídeos se dá de diversas maneiras e conteúdos: passando pela questão do trabalho, do amor, das rotinas e dos fatos inusitados do cotidiano...
Sejam bem vindos.  

Sábado, 28 de Maio 2011 - 19 horas
RUA AUGUSTA 1239, CONJUNTOS 13 E 14
 (EM FRENTE AO BAR IBOTIRAMA)
Entrada Gratuita
Doc. 36 minutos
Direção: Rui de Souza

O histórico do dia do trabalhador, desde 1886 em Chicago (EUA) e seu significado no Brasil, como na Era Vargas por exemplo.

Ficção 11 minutos
Direção: Paulo Oliveira

Fato inusitado acontece em casa de cineasta. Baseado em fatos reais.

Ficção 12 minutos
Direção: Paulo Oliveira

Uma jovem garota misantrópica tem sua rotina alterada depois que encontra uma linda flor

Ficção 14 minutos
Direção: Daniel Torres

A tecnologia dispensa seu anjo da guarda.

Ficção 1:34 minutos
Direção: Roberto Christo

O mundo digital proporciona um mundo diverso e real. Não importa a idade, raça e orientação sexual.

Ficção 12 minutos
Direção: Thogum

 A "viagem" de dois adolescentes após um incidente.

Ficção 14 minutos
Direção: Ana Divino

Angelo e Vitória vivem um romance repleto das poesias feita pelo rapaz, entretanto a ambição de Vitória coloca Angelo contra a parede ameaçando seu segredo.


Realizadores debatem suas produções.
Bate papo + Música

Mais Informações:

lunetim@hotmail.com

11 – 3214.3906 / 7038.6836 / 6181-2405 / 8283-8220

Apoio: Centro Cineclubista de São Paulo



Links para esta postagem

ler e escrever' Comentários ( 0 )

“YALODE representa o feminino no poder. Na tradição africana, principalmente na Iorubá, as mulheres deixavam suas famílias e iam para a feira, onde se destacavam como grandes comerciantes. Suas vendas destinavam-se tanto à subsistência como à acumulação, sendo que essa última as tornavam independentes de seus maridos, demonstrando a autonomia feminina nestas sociedades. Na feira trocavam-se bens simbólicos: notícias, modas, receitas, músicas, danças...


Comemorando os 123 anos da abolição no Brasil,  o Comboio Yalodê de Cultura Africana faz sua estréia no Centro Cultural Vladmir Herzog. Sempre de passagem, nessa primeira parada teremos bate-papo sobre a influência africana em nossa cultura, música, culinária e moda.
 

Entre as atrações haverá roda de samba, sarau, com participação de Munrimbau.
O espaço é aberto, só chegar!


Serviço:

Dia 13/05/2011  - Das 19h00 às 23h00
Centro Cultural Vladmir Herzog
Rua Eduardo de Matos, 159 - Jd. Campanário - Diadema
Contatos: 9459-6770/8118-4298/7601-0492
www.yalodeafro.com.br
Mapa do local: www.yalodeafro.blogspot.com


Links para esta postagem

ler e escrever' Comentários ( 0 )


A Casa de Cultura Raul Seixas recebe a Exposição Fotográfica-Sonora Narrativas Fluviais nos dias 19 e 21 de maio, das 13h às 17h30. A exposição nasceu do projeto homônimo realizado durante o primeiro semestre de 2011 com apoio da Fundação das Artes do Ministério da Cultura (FUNARTE) por meio do Prêmio Interações Estéticas 2010.

O tema da exposição nasce de dois lugares:  Itaquera e Suzano. “Escolhemos esses dois lugares pra observar como podem ser diferentes as relações entre cultura e paisagem num mesmo território natural” diz Daniela Caielli, coordenadora geral do projeto. Esses dois lugares são parte do Alto Tietê Cabeceiras, região irrigada por afluentes do Tietê que compartilham da mesma fisiologia hídrica  e sofrem todas transformações vividas nesse território.

Nestes lugares, foram ouvidas as histórias de vida de moradores locais que inspiraram uma série de fotos além de um roteiro formatado em CD. Assim foi criada “A Grande Viagem da Nau Narrativas Fluviais” – composta por relatos e canções criadas especialmente para o CD. Na exposição, tanto as fotos como o CD poderão ser apreciados pelo público. A equipe envolvida na execução do Projeto Narrativas Fluviais inclui: o diretor musical e mestre da Escola Livre de Teatro de Santo André (ELT) Cristiano Gouveia, o produtor musical atuante em Itaquera Kiko de Sousa (Engrenagem Urbana), o fotógrafo Jonilson Montalvão e o historiador Janes Jorge.

Serviço:
Exposição Fotográfica Musical Narrativas Fluviais
Casa de Cultura Raul Seixas (R. Murmúrios da Tarde, 211)
19 e 21 de maio, das 13h às 17h30
Para mais informações: www.narrativasfluviais.blogspot.com


-- 
ALMA AMBIENTAL
www.almaambiental.org.br
www.almaambiental.blogspot.com
tel: 2056-0253


Links para esta postagem

ler e escrever' Comentários ( 0 )



O Centro Cineclubista de São Paulo inova e, em parceria com a Trator Filmes, distribui gratuitamente em sua rede de cineclubes o documentário “Comercial”
Distribuição on line do Longa de Alex Miranda promete inovar o acesso gratuito à cinematografia nacional.
 “Comercial” é um documentário que faz um panorama sobre o mercado publicitário no país, com depoimentos de diretores de criação, diretores de cena, anunciantes e produtores de som.  Alex Miranda entrevistou grandes nomes como: Washington Olivetto, Marcello Serpa, Fabio Fernandes, Fernando Meirelles, Alexandre Okada, Mario D'Andrea e Hugo Rodrigues.
Em entrevista ao Cecisp, na pré-estréia do filme, Miranda enfatizou que este trabalho é destinado aos universitários e salientou a importância de exibi-lo às novas gerações. “Assistir o filme é quase meio caminho andado, porque poder encontrar com todos estes caras, assisti-los em um vídeo e tirar suas conclusões dos fatos... saber como você pode chegar em uma agência... como se portar ou não se portar... acho que aí está o valor do filme.”, afirma o diretor.
O Centro Cineclubista fará a distribuição on line de “Comercial” e desse modo pretende ampliar o acesso gratuito ao filme. “O lançamento de filmes ainda acontece predominantemente em São Paulo e no Rio. Ao disponibilizarmos o acesso on line aos cineclubes filiados á nossa entidade, contribuímos para que a exibição aconteça em outros estados, em locais alternativos que dificilmente teriam a oportunidade de assistir o filme, caso sua exibição fosse restrita às salas comerciais”, afirma Maristela Bizarro, presidente do Centro Cineclubista.
Para celebrar a parceria com a Trator Filmes, o Centro Cineclubista de São Paulo fará a exibição de “Comercial”, que será seguida por um debate com a participação de Fabio Porcelli – diretor de fotografia e Eder Bastos, da Trator Filmes.
Assista à entrevista com Alex Miranda em nossa webtv, divulgue e compareça!


Exibição

Centro Cineclubista de São Paulo
Endereço: Rua Augusta, 1239 – cj. 13/14.
Quando: Dia 07 de maio, sábado.
Horário: 18h30min  
Atividade gratuita 


Links para esta postagem

ler e escrever' Comentários ( 0 )

videos lunetim